A bandeira da Inglaterra

A bandeira da Inglaterra leva em sua estrutura uma cruz vermelha centralizada em um fundo branco.

Essa cruz se estende da direita para esquerda e de cima para baixo, sua interseção ocorre no centro do retângulo, e ela é bastante conhecida como Cruz de São Jorge (St George, em inglês).

 

 

Fotos da bandeira da inglaterra

Fotos da bandeira da inglaterra

 

 

A cruz assumiu a representação da Most Noble Order of the Garter, que é o sistema de cavalarias mas antigo da Inglaterra e do Sistema Honorífico Britânico (honras, condecorações e medalhas).

Já o fundo branco representa a roupa branca vestida pelos soldados em suas batalhas.

 

História da bandeira da Inglaterra

 

São Jorge e o Dragão, de Paolo Uccello, 1470

São Jorge e o Dragão, de Paolo Uccello, 1470

 

São Jorge foi um santo padroeiro do país durante o século XIII. Haviam várias lendas deste corajoso santo que defendeu uma princesa matando um cruel dragão, e com seu sangue desenhou uma cruz em seu escudo.

Durante as cruzadas, os soldados usavam túnicas brancas, assim gerando o nascimento do fundo branco. A cruz no fundo branco foi usada para representar o santo durante seus anos de batalhas.

São Jorge é considerado um santo na igreja católica, anglicana, ortodoxa e ortodoxa oriental.

 

Qual a relação entre as cruzadas e a bandeira inglesa?

 

O Papa havia decidido que todos os cruzados ingleses usassem túnicas vermelhas com cruzes brancas, enquanto os franceses optaram pelo vermelho no branco.

Os ingleses então queriam recuperar o emblema de uma cruz vermelha sobre uma túnica branca e, em 1188, os reis de cada país decidiram trocar suas bandeiras.

No entanto, alguns dos soldados franceses continuaram a usar suas velhas túnicas, semelhante aos ingleses. Por esta razão, a cruz vermelha sobre o fundo branco eventualmente se tornou o símbolo para os cruzados, independentemente da sua nacionalidade.

Reino Unido, Inglaterra ou Grã-Bretanha ?

 

Essa pergunta costuma trazer dúvidas para a maioria das pessoas. Às vezes se referem à Inglaterra, outras a Grã Bretanha, mas raramente é explicado a diferença entre as palavras. Afinal, o que diferencia um lugar do outro?  Descubra de uma vez por todas a diferença entre Inglaterra, Grã Bretanha e Reino unido!

 

  • O que é a Inglaterra?

 

Dos três, esse ponto talvez seja o que menos gera dúvidas. Situada na ilha de Grã Bretanha e parte do Reino Unido, é o país que tem como capital Londres.

Responsável por parte considerável da economia do Reino Unido, A Inglaterra conta ainda com a sua enorme contribuição à música, arte, turismo, futebol e cultura de maneira geral.

 

Big Ben, London Eye, Parlamento e Palácio de  Buckingham, residência oficial da rainha Elizabeth II, são apenas alguns dos lugares marcantes situados em Londres.

 

  • O que é a Grã-Bretanha?

 

É uma ilha da Europa, a maior dentre as mais de 6 mil ilhas situadas no Reino Unido, que compreende três países pertencentes ao Reino Unido. São eles: Inglaterra, Escócia e País de Gales.

 

  • O que é o Reino Unido?

 

O Reino Unido é um agrupamento político que compreende os três países pertencente a Grã Bretanha mais a Irlanda do Norte. Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte são os países que formam esse grupo.

Esses países possuem certa autonomia e leis próprias, mas compartilham de uma mesma legislação.

As principais decisões políticas desse bloco são tomadas pelo parlamento central, localizado em Londres, sendo este eleito pelo povo. A rainha Elizabeth II é a chefe de estado.

Veja essa imagem:

Diferença entre Inglaterra, Reino Unido e Grã-Bretanha

Diferença entre Inglaterra, Reino Unido e Grã-Bretanha

 

Caso tenha ficado alguma dúvida sobre a diferença entre Inglaterra, Reino Unido ou Grã-Bretanha, assista esse vídeo “The Difference between the United Kingdom, Great Britain and England Explained”. De forma visual e animada o autor faz uma belíssima explanação sobre esse tema.

 

Separação do Reino Unido da União Europeia (Brexit)

 

Brexit é uma palavra abreviada  como forma de dizer que o Reino Unido deixou de fazer parte da União Europeia (UE). Da mesma forma que a saída da Grécia foi apelidada de Grexit no passado.

Um referendo – uma votação em que todos (ou quase todos) de idade de votar pode participar – foi realizada na quinta-feira, 23 de junho de 2016, para decidir se o Reino Unido deveria sair ou permanecer na União Europeia. O Brexit venceu por 51,9% a 48,1%. A participação do referendo foi de 71,8%, com mais de 30 milhões de votantes.

Gostou do conteúdo? Ficou interessado em saber mais sobre como morar, trabalhar, estudar, passear e as melhores ofertas de empresas brasileiras em Londres?
Baixe o nosso eBook: 17 Dicas sobre Londres.