Rafael dos Santos tem 33 anos, é natural de Santa Catarina e vive em Londres há doze anos.

Aos 21 anos, ainda no Brasil, era analista de sistemas numa empresa terceirizada pela Microsoft e decidiu viajar para Londres, inicialmente só por seis meses. O propósito era aprender Inglês e, em termos pessoais e particulares, para se libertar um pouco da hostilidade e preconceitos que o Brasil vivia há mais de uma década atrás.

Tal como os outros entrevistados anteriores do eLondres.com, Rafael começou “por baixo”. O seu primeiro emprego foi como lavador de pratos num restaurante, considerando uma experiência péssima mas necessária. Depois disso foi faxineiro. Inacreditavelmente foi a partir desta atividade que nasceu a oportunidade para trabalhar como assistente de professor, função essa que desenvolveu pelo período de dois anos e acelerou seu aprendizado na língua inglesa.

Enquanto aproveitava a  oportunidade de emprego, Rafael foi fazendo outros bicos como garçom, durante o período noturno. Foi graças a este espírito obstinado e perseverante que ele conseguiu juntar dinheiro para viajar. Nos primeiros cinco anos como emigrante em Londres, Rafael visitou cerca de trinta países.

O ponto crucial do seu sucesso começa quando um amigo tem uma ideia da qual nasce o seu primeiro negócio: a “London Up”, uma agência de acomodação em Londres. Este negócio hoje é sucesso porque antes de ser patrão, Rafael desenvolveu todas as atividades inerentes a esta área de negócio. Como diz sua mãe: “Para você dar ordem, você tem de saber fazer!” – Daí a importância da mente aberta para aproveitar todas as chances sem reticências.

Rafael identifica oportunidades de negócios em tudo o que pode. A irmã, recém chegada à Londres, sofreu um choque cultural enorme. Rafael resolveu orientá-la. O que resultou do conhecimento e dedicação de irmão conhecedor deste cenário? Um Livro traduzido em quatro idiomas, um Site e um Aplicativo para smartphones para quem está Mudando de País.

Hoje, além de empresário de uma média empresa, Rafael dos Santos faz palestras e seminários pelo mundo, falando de “adaptação à mudança de país”, “choque cultural” e “negócios para pequenas e médias empresas”.

Do Brasil guarda apenas a saudade das pessoas não descartando a possibilidade de regressar no futuro. Não agora neste exato momento de sua vida.

Rafael dos Santos deixa a todos aqueles que anseiam por uma experiência idêntica apenas uma recomendação: é necessário perder o medo do desconhecido. Aqui está então mais um caso de sucesso para se juntar aos exemplos que semanalmente apresentamos para você sobre Brasileiros em Londres.

One Advice?
Aproveite também a oportunidade! Nada acontece por acaso!
Assista o vídeo e conheça a história de mais um brasileiro na terra da rainha.