British Museum | Pontos Turísticos de Londres

O British Museum, ou Museu Britânico entre nós, é uma Instituição com “I” maiúsculo. Ele cobre dois milhões de anos da história mundial e apenas em 2013 foi visitado por 6,5 milhões de pessoas em Londres: um record. E ele permanece importante porque está sempre inovando, adquirindo novas coleções e estabelecendo um vínculo forte com a sociedade em que está inserido. É um museu vivo. Um dos pontos turísticos de Londres mais visitado.

A boa notícia é que ele é de graça!
Apenas algumas mostras não permanentes são cobradas. Não é possível comprar ingressos online.

HORÁRIOS:

QUER RECEBER MAIS CONTEÚDOS COMO ESSE POR E-MAIL?

Então junte-se a mais de 150 mil apaixonados pela terra da rainha que assim
como você querem visitar Londres seja para turistar, morar ou trabalhar. 

Diariamente, das 10h às 17h30.
Às sextas, fica aberto até as 20h30 e você pode curtir algumas atrações especiais, como eventos, exposições não permanentes e jantares. Para saber mais, confira a programação.

COMO CHEGAR

O endereço do museu é: Great Russell Street, WC1B 3DG. As estações de metrô mais perto são: Tottenham Court Road, Holborn, Russell Square e Goodge Street. Há diversos ônibus para o Centro também.

ROTEIROS

No site oficial, existe a opção de navegar por diversos roteiros e de marcar um horário para uma visita guiada. Entre as opções, você pode escolher por regiões do mundo, a saber: África, Américas, Ásia, Grã-Bretanha, Egito, Europa, Grécia, Japão, Oriente Médio, Pacífico e Roma.

BIBLIOTECA

Uma das particularidades do British Museum é que ele possui várias bibliotecas a que poucas pessoas têm acesso, por desconhecimento. É um acervo fenomenal, cujo catálogo está disponível online. Se você é pesquisador de antropologia, por exemplo, entre em contato com o Anthropology Library and Research Centre, através do email anthropologylibrary@britishmuseum.org. Há outras salas de leitura e departamentos para as coleções. Informe-se aqui.

VÍDEOS

O museu também educa através de vídeos. Veja este aqui sobre o deus Ganesha , na Índia, da mostra “Celebrating Ganesha”:

COLEÇÕES

Além das famosas coleções de sarcófagos egípcios e da “Rosetta stone”, chave para a decodificação de civilizações antigas (foto 5), o British Museum continua adquirindo obras. Recentemente, comprou duas impressões de Pablo Picasso ‑Still Life under the Lamp e acqueline Reading, de 1962,‑que estarão expostas até 6 de maio de 2014 na sala 90. Os recursos vêm do Arts Fund, que nos últimos cinco anos ajudou museus e galerias a adquirirem peças no valor de 26 milhões de libras.

british-museum-elondres-rosetta-stone
Sarcófagos egípcios e Rosetta Stone – Museu Britânico em Londres

ONDE COMER:

Há cafés e restaurantes dentro do museu, mas sinceramente não são as alternativas mais apetitosas que você irá encontrar. Escolha entre a casa de chá Tea and Tattle , o pub tradicional The Jack Horner  e o Museum Tavern, onde Karl Marx e sir Arthur Conan Doyle costumavam frequentar).

Site oficial: www.britishmuseum.org

 

Veja mais Pontos Turísticos de Londres.