Comprar uma casa demanda um grande planejamento. E não é diferente para quem pretende se casar. Uma pesquisa divulgada na semana passada mostra que três quartos dos casais de Londres estão adiando seus casamentos até que tenham juntado dinheiro suficiente para dar entrada no pagamento de um imóvel.

Com o depósito médio para compradores sendo mais do que três vezes a conta típica para o “dia especial”, a grande maioria dos jovens londrinos afirma que juntar dinheiro para comprar uma casa têm sido a principal prioridade financeira.

Cerca de metade também disse que nunca seria capaz de dar ao luxo de casar após economizar para um depósito, de acordo com os resultados divulgados pela agência Chestertons.

A queda da tradição que o pai da noiva paga a conta do casamento ajuda a aumentar o dilema. Ainda de acordo com a pesquisa, apenas seis porcento dos casamentos atuais são pagos pelos pais, contra 40% nos anos 50.