Se você está pensando em ter o seu próprio negócio, comprar um negócio já existente no Reino Unido pode ser mais rápido e fácil do que começar um desde a fase de planejamento. Contudo, você terá que realocar tempo e energia para encontrar o negócio que tem tudo a ver com você. Ao mesmo tempo, os custos envolvidos para a compra de um negócio já existente não podem ser subestimados.

Vantagens e desvantagens de comprar um negócio já existente
Se você acertar, haverá boas razões que farão sentido em ter comprado um negócio já existente. Lembre-se que você está assumindo a responsabilidade legal do antigo dono e você terá que levar em consideração todos os aspectos relacionados ao negócio.

Vantagens
• Muitas fases de planejamento e montagem do negócio já foram realizadas;
• Facilidade para levantar fundos, uma vez que o negócio já possui um histórico financeiros e de vendas;
• Talvez já foi demonstrado que há um mercado para o produto ou serviço que você está vendendo;
• Pode ter uma carteira de clientes já estabelecida, renda garantida, reputação e um útil grupo de contatos e relacionamento;
• O plano de negócio e de propaganda talvez já estarão prontos;
• Funcionários já existentes podem trazer suas experiências para o negócio;
• Muitos problemas já foram identificados e também resolvidos.

Desvantagens
• Frequentemente, você terá que disponibilizar de uma quantia razoável de dinheiro para investir no negócio, incluindo despesas com profissionais, advogados e ainda depósitos;
• Você também deve disponibilizar de capital de giro para manter o negócio operando durante alguns meses se necessário;
• Você terá que honrar e negociar qualquer contrato quando o antigo proprietário oficialmente se retirar do negócio;
• Você terá que considerar o motivo pelo qual o dono atual quer vender o seu negócio e qual será o impacto uma vez ele fora do negócio;
• Pense no sentimento dos atuais funcionários – é possível que eles não continuem felizes com o novo proprietário ou o negócio não foi propriamente gerenciado no passado e a moral dos funcionários está em baixa.

 

Comprando um negócio já existente | Decidindo o tipo certo de negócio para comprar
Idealmente qualquer tipo de negócio que você compre precisa estar dentro das suas habilidades, estilo de vida e inspirações. Antes de começar a procurar, pense no que você pode trazer para o negócio e o que você gostaria de receber em troca.

Liste o que é importante para você. Analise suas motivações e onde você quer chegar. Seria útil considerar:
• Suas habilidades – você consegue atingir o seu objetivo?
• Seu capital disponível – Quanto você precisará para investir?
• Suas expectativas em relação ao ganho – qual o lucro que você está esperando para acomodar todos os seus desejos e necessidades?
• Seu comprometimento – Você está preparado para realocar tempo, trabalho árduo e dinheiro no seu negócio para ser bem sucedido?
• Suas forças – Que tipo de negócio te dará a oportunidade de demonstrar suas habilidades e experiências?
• O setor de negócios que você está interessado – Aprenda tudo o que você puder sobre o setor que você está entrando e compare o seu negócio com outros atuando no mesmo setor. É importante que você converse com pessoas que possuem negócios no mesmo setor. Faça pesquisa na internet e bibliotecas públicas. Descubra quais são os requisitor legais e licensas especiais para atuar no setor.
• Escolha do local – Não limite sua pesquisa somente na sua área local.

Como avaliar um negócio
Avaliar um negócio pode ser uma das partes mas preocupantes quando você comprar um negócio já existente. Há vários métodos de avaliação que você pode usar. Seu contador pode ser útil para ajudá-lo na avaliação do negócio, mas um agente de transferência de negócios, corretor de negócios ou analista corporativo financeiro pode estar mais qualificado para dar um conselho de avaliação.

A saúde do negócio
Para você ter uma idéia genérica de como está a saúde do negócio, analise :
• a história do negócio
• sua performance atual – vendas, faturamento e lucro
• sua situação financeira – fluxo de caixa, total de débitos, despesas e ativos
• porque o negócio está sendo vendido
• qualquer processo litigioso que o negócio está envolvido
• Qualquer mudança regulamentária ao qual pode ter um impacto no negócio

Fazendo parte das suas investigações, fale com o vendedor e, se possível, os clientes existentes e os fornecedores. O vendedor deve ficar confortável com você fazendo isto. Clientes e fornecedores podem te dar informações que afetarão a sua avaliação, bem como informações sobre as condições do mercado afetando o negócio. Este tipo de pesquisa também pode ser feita pela internet ou a biblioteca local de referência.

Ativos intangíveis
A parte mais difícil é a avaliação dos bens intangíveis. Estes são geralmente difíceis de medir e poderiam incluir :
• a reputação da empresa
• a relação com os fornecedores
• a avaliação do goodwill
• o valor das licenças
• patentes e propriedade intelectual

Outras considerações
A lista abaixo são outros detalhes que afetarão a avaliação:
• estoque
• localização
• ativos
• produtos
• contas a receber
• contas a pagar
• fornecedores
• funcionários
• local
• competição
• benchmarking – venda de outros negócios no mesmo setor
• outros negócios que estão a venda no mesmo mercado

Uma vez considerado todos estes fatores você pode então decidir quanto você vai oferecer ou se você quer ainda comprar o negócio. Se você deseja fazer uma oferta, e concordou o preço com o vendedor, um período é permitido para você verificar que todas as informações que você escutou é verdade. Este período é conhecido como “due diligence”.

Feita sua pesquisa, você deveria verificar as informações que foram dadas a você sobre a perspectiva do novo negócio. Um período é permitido para você ter acesso aos livros contábeis e outros relatórios. Deve te dar uma foto real de como o negócio está no momento e como ele provavelmente estará no futuro. Também deveria ressaltar qualquer assunto ou problema ao qual é necessário qualquer forma de garantia.

Há tradicionalmente três tipos de “due diligence” que você deveria fazer. Você pode precisar de conselheiros diferentes para cada um:
“legal due diligence”– com parte do contrato de compra e venda, o advogado pode verificar se o negócio está permitido para venda, os proprietários dos bens e qualquer aspecto legal
“financial due diligence”– verificação dos números e ter certeza que não há furos ou problemas financeiros escondidos.
“commercial due diligence” – encontrando espaço mercadológico para o negócio no mercado, verificando os competidores e ambiente regulatório.

 

A Vertice Services ja ajudou mais de 130 pessoas a comprar um negócio já existente.
Se precisar de ajuda, ligue para Rodolfo Basilio +44 20 7624 16 16

 

Leia mais Dicas de Finanças.