Dicas de Finanças: O que acontece após a falência com empresas no Reino Unido?

A maioria de nós entende que a falência é uma coisa ruim e que sinaliza o fim da linha quando se trata de muitas dívidas e contratos de crédito interrompidos, mas o que acontece depois disso? Neste artigo, veremos se a falência é realmente o fim ou se é na verdade o início de uma nova maneira de viver.


Declarar falência
Declarar-se falido é uma opção a ser considerada por muitas pessoas que foram duramente atingidas pela crise de crédito seguida da recessão, o que foi ainda mais difícil. Para algumas pessoas, a falência é a única opção viável e é uma alternativa para aqueles que não podem pagar suas dívidas.

A falência geralmente dura de um a três anos. Durante esse prazo, ela está pendente e isso significa que algumas restrições são aplicadas às suas finanças. Você pode também ter que pagar uma quantia mensal para abater as suas dívidas a alguém associado com o seu caso de falência. Se seguir as diretrizes descritas pelos responsáveis a lideram com o seu caso, você poderá ser liberado da falência em um prazo de 12 meses, o que significa que poderá viver como antes – apesar de que, provavelmente, você terá mais cuidado com o seu crédito! No entanto, você pode ainda precisar fazer pagamentos por três anos.

Se o administrador da falência, ou Official Receiver (OR), que lida com seu caso achar que você foi desonesto ou irresponsável, você pode sofrer uma restrição aqui conhecida como Bankruptcy Restrictions Order, que poderá afetar a sua situação financeira por até 15 anos.

Pensões são afetadas?
Algumas pessoas acham que as pensões são afetadas pela falência, mas a verdade é que, se você tem uma pensão que é aprovada pela HM Revenue, ela está completamente segura, pois não será classificada como parte da propriedade de uma pessoa. No caso das pensões não aprovadas, poderá solicitar uma ajuda específica ao administrador da falência para tentar excluí-las e protegê-las.

Se você está recebendo os pagamentos de uma pensão no momento em que for declarado falido, estes serão classificados como renda e você poderá ter que a usar para amortização da sua dívida perante ao administrador da falência.

Repercussões na carreira
Se você está falido, há certas posições que você não poderá ocupar, tais como o papel de diretor de empresa ou Membro do Parlamento. Há também outras organizações, como instituições jurídicas, que não contratariam alguém que tenha sido classificado como falido. No entanto, uma vez que não possua mais encargos, você poderá trabalhar em qualquer posição que poderia antes de declarar falência.

Recomeçando
Recomeçar depois de uma falência não deve ser necessariamente difícil, desde que tenha mudado a maneira de lidar com dinheiro e entenda que precisa controlá-lo melhor. Falência tem um efeito permanente sobre as pessoas porque, fundamentalmente, muda a maneira como elas lidam com dinheiro e, em alguns casos, a maneira como vêem a si mesmos e aos outros. É uma experiência de vida difícil e pode causar estresse e constrangimento, mas também pode dar às pessoas que perderam toda a esperança um novo começo, e isso é inestimável.

Veja mais Dicas de Finanças.