Cidades da Inglaterra: Oxford – Harry Potter esteve aqui

Harry Potter esteve aqui!

Oxford é outra cidade pertinho de Londres que vale muito a pena ser visitada. Os prédios seculares das universidades por onde passaram físicos, astrônomos, líderes políticos, literatos e gênios foram cenário para as filmagens de Harry Potter. Com certeza você vai achar o seu spot preferido. O meu é a entradinha por trás para o New College, na New College Lane.

New College, Oxford

New College Lane, Oxford

ATRAÇÕES

O marco da cidade é a Carfax Tower. São 99 degraus do que restou da velha igreja de St. Martin, demolida em 1896. O relógio da torre é decorado com duas figuras de meninos que tocam os sinos a cada 15 minutos. Fica aberto diariamente, das 10h às 15h. Adultos pagam 2,30 libras para ter uma vista aérea da cidade; crianças maiores que cinco anos, 1,20 libra. Aproveite e almoce aos pés da torre, no Fernando’s Carfax Café. Com o logotipo a partir de uma caricatura do brasileiro dono do café e a bandeira do Brasil, é fácil de localizar o restaurante. Você pode escolher um “PF” de arroz com feijão e bife, massas, bolos e outros quitutes a preços módicos.

Carfax Tower

Carfax Tower

Há diversos campus de universidades históricas em que se pode passear. Minhas sugestões são:
a) o Corpus Christi College, onde várias cenas de Harry Potter foram gravadas. Há um interessante relógio de sol em um dos murais, o que nos faz concluir logicamente que Oxford é uma cidade solar (será?). A visitação é aberta e gratuita das 13h30 às 16h30. Grupos devem ser acompanhados por um guia autorizado (Blue Badge Guide).
Informe-se aqui: www.ccc.ox.ac.uk

oxford_harry_potter_corpus_christi_college

Corpus Christi College

b) o New College, fundado em 1379 por William de Wickeham, bispo de Winchester e conselheiro da Inglaterra. Os pontos altos do tour são a capela, que possui um quadro original de El Greco, St. James, e os jardins limitados por muros do período elisabetano.

New College

New College

Em sua caminhada pelo centro histórico, você não deve passar despercebido pelo Radcliffe camera, nem pelo castelo. A primeira é uma praça que abriga uma biblioteca, construída entre 1737 e 1749, cujo nome não tem nada a ver com o ator de Harry Potter, Daniel. (foto do topo que ilustra esta matéria). A “câmera” ou “quarto” pertence à Universidade de Oxford. Já o castelo servia originariamente como prisão aos alunos que se comportavam mal durante as aulas (uia!). Os primeiros registros de tal uso datam de 1216. Para visitar o castelo, informe-se aqui: www.oxfordcastleunlocked.co.uk
Os bilhetes são em torno de 10 libras.

Site oficial: www.visitoxfordandoxfordshire.com

COMO CHEGAR

Você pode viajar de ônibus de Londres (Victoria Bus Station) para Oxford. O trajeto dura em média 1h40 min. Em geral, a passagem de ida-e-volta no mesmo dia custa 17 libras, mas há promoções a 1 libra se você madrugar! Veja as tarifas e horários aqui: www.nationalexpress.com ou www.megabus.com

De Londres, você pode chegar de trem pela estação de Paddington pela First Great Western. Cheque a disponibilidade e preços no site: www.thetrainline.com. Há descontos para mais de 4 passageiros.

ONDE FICAR

Se quiser permanecer mais alguns dias em Oxford e explorar a região de Oxfordshire, fique em Bath Place Hotel. O hotelzinho é composto de chalés construídos no século XVII no coração da cidade. O local tem fama por ter sido mencionado no romance de Thomas Hardy, Jude the Obscure, e por ter abrigado Gabrielle Rossetti, o compositor de ópera.
Preços partem de 90 libras e o site é www.bathplace.co.uk