Tudo que esteja relacionado com guerra, exército, força militar e poder bélico tem muita importância na sociedade inglesa. Por isto, as cerimônias em homenagem aos heróicos soldados que deram a vida pela sua pátria têm lugar de destaque na agenda festiva dos ingleses. Mesmo que não haja uma data comemorativa, você consegue perceber a presença desta temática só de caminhar pelas ruas. Em Londres, por exemplo, vai encontrar inúmeros monumentos e estátuas de soldados e generais ou que tenham alguma relação com a guerra.

Mas por quê a flor vermelha? Após a I Guerra Mundial, nos campos destroçados pelos combates começaram a nascer flores de papoula (“poppy” em inglês), que logo ficaram relacionadas com a ideia de “renascimento”. Muitos ingleses usam a flor vermelha no peito, em sinal de respeito e homenagem aos conterrâneos ou mesmo familiares que foram para guerra. A flor de papoula ganhou uma dimensão muito grande, estando hoje relacionada com as várias guerras em que a Inglaterra participou. Para além das Primeiras e Segundas Guerras Mundiais, o país também lutou na Guerra das Malvinas, da Coréia, Bósnia, Kosovo, Iraque e mais recentemente, no Afeganistão.

No mês de agosto a flor vermelha já começa a aparecer pregada nas roupas, pois o dia 5 de agosto marca o início da Primeira Guerra Mundial, sendo que em 2014 foi celebrado o centenário deste momento histórico. Mas o “boom” do uso das papoulas acontece entre outubro e novembro, quando os ingleses começam a se preparar para o “Remembrance Day” (Dia da Lembrança), também conhecido como “Poppy Day” (Dia da Papoula).

Esta celebração teve início em 11 de novembro de 1918, após o fim da Primeira Guerra Mundial. E hoje esta data representa uma celebração em memória aos soldados que perderam a vida durante as guerras. No Remenbrance Day, a Rainha Elizabeth costuma visitar o monumento construído em homenagem à Primeira Guerra Mundial, enfeitando-o com uma coroa de papoulas. Este monumento está localizado em Whitehall, perto do Buckingham Palace.

Muitas das pessoas que vendem a flor de papoula de plástico ou outro material estão representando instituições de caridade que apoiam veteranos e ex-combatentes que sofrem de alguma mazela causada pelas guerras.

Minhas dicas foram úteis? Quer saber mais sobre Londres? Baixe gratuitamente o e-book “Como morar em Londres: 6 passos para o sucesso“.