Se você é estrangeiro, vive no Reino Unido com visto de esposa (o) de um cidadão europeu ou  britânico, saiba que é possível permanecer no país mesmo após a morte do seu companheiro (a). O mesmo vale para viúvos casado com pessoas que possuem o visto de residência permanente no país.

Ficar viúvo é uma situação, por si só, muito difícil. É importante para a pessoa que fica sozinha saber que ela tem a opção de seguir vivendo no Reino Unido se isso for a melhor opção para ela.

Se a vontade da viúva (o) for permanecer no país, o recomendável é que ela (o) aplique novamente para o visto, informando ao governo britânico sobre a morte do marido (ou esposa).

Como funciona?

Segundo o advogado Humberto Ferrarini o mais comum é que a viúva (o), após aplicar para o novo visto, receba outros cinco anos de permissão para viver no país. “Mas além de apresentar a certidão de morte, é preciso considerar se quem perdeu o esposo preenche outros requisitos legais para continuar vivendo no Reino Unido”, explica Ferrarini.

Quem tem direito?

Para que a viúva (o) possa aplicar para um novo visto, ela (ele) deverá comprovar que esteve casada (o) durante durante os 12 meses anteriores ao falecimento do marido (ou esposa). O casal também precisa ter vivido na mesma casa pelo mesmo período.

Saiba mais

Se você perdeu seu marido recentemente ou tem dúvidas sobre como aplicar vistos para o Reino Unido, escreva para help@elondres.com